Quinta-feira | 22/08/2019
▸ Acompanhe nas redes

NOTÍCIAS / politica
Enviar por e-mail Compartilhar Imprimir

09.06.2019 - 08:35  |  Queda de braço

Wilker acusa governo de jogo sujo e diz que sua questão não é com a Joana D'arc

Assessoria de Imprensa

Wilker Barreto: continuarei lutando pelo Amazonas

 

Deputado deixa claro que não tem nada a esconder e que sempre trabalhou pautado na ética e profissionalismo

Por Warnoldo Maia de Freitas
 
O deputado estadual Wilker Barreto (PHS), que vem fazendo ferrenha oposição à gestão Wilson Lima (PSC)  manifestou por  meio de nota o seu repúdio às falsas acusações atribuídas à sua imagem, acusou o governo de jogo sujo, deixou claro que não vai se calar diante de tais manobras e disse que “a sua questão é com o Governo e não com a líder (Joana D’arc)”.
 
 Confira a nota distribuída pela assessoria do deputado
 
Começou a circular na manhã da ultima sexta-feira, dia 07, documento e vídeo apócrifos (sem assinatura) em relação a mim, deputado estadual Wilker Barreto, querendo atribuir falsas acusações à minha imagem, um parlamentar que faz oposição ao Governo do Amazonas. A quem interessar este tipo de veiculação, aviso: não vão me calar, não irei ceder! Repito ao Governo, todas as minhas denúncias foram com provas, na tribuna da Assembleia, diferente daqueles que se escondem no anonimato e que atacam sem ter provas. 
 
No documento e no vídeo, disseminado pelas redes sociais, citam um patrimônio que não possuo, propriedades de bens e empresas inexistentes em meu nome, práticas criminosas, desvio de verbas públicas e condenações nunca ocorridas, além de ataques pessoais à minha família.
 
O auge dos ataques ocorreram na tarde deste sábado, dia 08, quando um site (www.oabutre.com) claramente ligado e direcionado pelo governo e a Secretaria de Comunicação do Estado, repercutiu e amplificou as denúncias inverídicas, sem autenticidade, ferindo regras e a ética prezada pelo bom jornalismo.   
 
Causa estranheza, o fato de o "dossiê" ser disseminado menos de três dias depois de eu ter comprovado junto à Superintendência Regional do Trabalho (SRT-AM) a inexistência de nenhum trabalhador contratado pela empresa Dantas Transportes e Instalações LTDA (contratada pela Seduc para o transporte escolar). 
 
Além disso, um dia após ter denunciado ao Ministério Público do Amazonas (MPE-AM) a suspeita de grampo telefônico no meu celular e do deputado Dermilson Chagas de forma ilegal pela Secretaria Executiva Adjunta de Inteligência (Seai). 
 
Deixo claro que não tenho nada a esconder e sempre trabalhei pautado na ética e profissionalismo. Estou na vida política por missão, e não para acumular riquezas. Não penso em viver da legislatura, por isso, estudo até hoje, me dedicando este ano ao meu doutorado.
 
Assim, reitero: não vão ser ataques mentirosos para enganar e confundir a população, que vão me calar. Meu propósito como deputado não será apago: continuarei lutando pelo Amazonas.

MAIS NOTÍCIAS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Nome:

E-mail:

* Seu e-mail não será publicado

Mensagem:
Publicidade
Publicidade
Publicidade

CURTA-NOS