Segunda-feira | 14/06/2021
▸ Acompanhe nas redes

NOTÍCIAS / geral
Enviar por e-mail Compartilhar Imprimir

30.05.2021 - 05:55  |  Igreja perseguida

Domingo da Igreja Perseguida reúne mais de 11 mil congregações no Brasil

Reprodução

O evento, idealizado pela Missão Portas Abertas, visa conscientizar os cristãos de todo o mundo sobre a realidade enfrentada por milhões de irmãos na fé em países de grande hostilidade.

Por GospelMais

Vai ser celebrado hoje, 30 de maio, o Domingo da Igreja Perseguida, com mais de 11 mil igrejas no Brasil participando. O evento de alerta tem por objetivo unir o Corpo de Cristo em oração pelos irmãos na fé que vivem sob ataques constantes por sua fidelidade a Jesus, no momento em que o cenário de perseguição aos cristãos se intensifica mundo afora.

Definido como “o maior movimento de intercessão em prol da Igreja Perseguida”, o evento, idealizado pela Missão Portas Abertas, visa conscientizar os cristãos de todo o mundo sobre a realidade enfrentada por milhões de irmãos na fé em países de grande hostilidade.

“Há mais de quatro mil cristãos presos em todo o mundo por simplesmente seguirem a Jesus. Por isso, no dia 30 de maio, apresentaremos em oração os nossos irmãos presos na Coreia do Norte, na Eritreia e no Irã”, introduziu uma nota da entidade missionária.

Como parte da iniciativa, a Portas Abertas produziu um material em PDF sobre o Domingo da Igreja Perseguida que pode ser baixado AQUI com dados sobre os cristãos que estão presos ao redor do mundo. A proposta do material é explicar “por que irmãos e irmãs perseguidos convivem com o risco de serem presos por amor a Jesus” nos países onde há intolerância aos cristãos.

“Caso você ainda não tenha feito sua inscrição para o DIP 2021, ainda dá tempo. Peça autorização do seu pastor e inscreva sua igreja no site para ter acesso a vídeos e outros materiais exclusivos de maneira gratuita. Cadastre-se e esteja conosco nesta jornada de esperança e fé, em que juntos encorajaremos nossos irmãos presos através da oração!”, convida a Missão Portas Abertas.

Oração - transformação
Um dos cristãos que enfrentou a severidade da perseguição no Irã, identificado como Taher por motivos de segurança, vivenciou o poder da oração da Igreja de Cristo: sua sentença de morte foi anulada depois que seu caso se tornou alvo das intercessões ao redor do mundo.

Taher estava convicto de sua fé em Jesus Cristo e decidiu abandonar o islamismo, uma atitude que no Irã significa tornar-se inimigo do governo e ser considerado ameaça à segurança nacional.

“Por isso, enquanto as pessoas estão vivendo no território, elas são monitoradas e, se insistirem em congregar com outros cristãos e compartilhar a palavra, ficam presas. A casa de Taher foi invadida por policiais enquanto ele estava trabalhando. A esposa e os filhos ficaram amedrontados e tiveram que ligar para o cristão e comunicar o que estava acontecendo”, relatou o comunicado da Portas Abertas.

Anúncio 

Depois de preso, ele interrogado e forçado a entregar outros cristãos, mas Taher se manteve firme e não revelou os irmãos na fé. Tempos depois, terminou condenado à morte por apostasia. Entretanto, durante o período em que aguardava a execução, se manteve orando pelas autoridades que dariam andamento a seu processo, e ao final de tudo, a sentença foi anulada.

 
 
 

MAIS NOTÍCIAS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Nome:

E-mail:

* Seu e-mail não será publicado

Mensagem:
Publicidade
Publicidade
Publicidade

CURTA-NOS