Quarta-feira | 20/10/2021
▸ Acompanhe nas redes

NOTÍCIAS / cidade
Enviar por e-mail Compartilhar Imprimir

07.10.2021 - 15:05  |  Órfãos do Feminicídio

Projeto da Defensoria é finalista do Prêmio Innovare 2021

Assessoria de Imprensa

Carol Braz

 O projeto Órfãos do Feminicídio é finalista do Prêmio Innovare 2021.


O projeto ‘Órfãos do Feminicídio’, realizado pela Defensoria Pública do Amazonas (DPE-AM), é finalista do Prêmio Innovare 2021. A prática oferece atendimento jurídico e psicossocial para crianças e adolescentes que ficaram sem as mães e pais, vítimas de homicídios de mulheres assassinadas por razões de gênero.

A Defensora Pública e coordenadora do Núcleo de Proteção e Defesa aos Direitos da Mulher (Nudem), Carol Braz, explicou que, para o projeto, foi realizado um levantamento dos processos tipificados como feminicídio (consumado ou tentado), iniciados a partir de março de 2015, nas três Varas do Tribunal do Júri da Comarca de Manaus.

“A partir do estudo documental, foi feito contato com as famílias das vítimas e o acompanhamento social e psicológico com visitas domiciliares, repetidas a cada 6 meses para coleta de dados por entrevistas, para identificar as condições dos órfãos e os fatores que levaram aos casos de feminicídio”, assinalou.

Através do Núcleo da DPE-AM e de instituições parceiras, o projeto segue com o auxílio - tanto psicológico, social e jurídico – aos órfãos na capital amazonense. ‘Órfãos do Feminicídio’ foi o único projeto no Amazonas a chegar à final da 18ª edição do Prêmio Innovare.

O Prêmio Innovare

Com o objetivo identificar, divulgar e difundir práticas que contribuam o aprimoramento da Justiça no Brasil, o Prêmio Innovere chega a sua 18ª edição em 2021. Participam da Comissão Julgadora do Innovare ministros dos Supremos Tribunais Federal (STF) e de Justiça (STJ); Tribunal Superior do Trabalho (TST), desembargadores, promotores, juízes, defensores, advogados e outros profissionais de destaque interessados em contribuir para o desenvolvimento do Poder Judiciário.

Com o tema destaque Defesa da Igualdade e da Diversidade, quase dois terços dos trabalhos são de autoria exclusiva de mulheres: apenas cinco são apresentados somente por homens. Onze práticas foram inscritas pela primeira vez no Innovare. As práticas vêm de oito estados, além do Distrito Federal: Amazonas, Bahia, Goiás, Minas, Pernambuco, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro e São Paulo.

O Prêmio Innovare há 18 anos destaca as boas iniciativas da área jurídica, idealizadas e colocadas em prática por advogados, defensores, promotores, magistrados e por profissionais interessados em aprimorar a Justiça brasileira, facilitando o acesso da população ao atendimento.

Sobre o Instituto

O Instituto Innovare é uma associação sem fins lucrativos que tem como objetivos principais e permanentes a identificação, premiação e divulgação de práticas do Poder Judiciário, do Ministério Público, da Defensoria Pública e de advogados que estejam contribuindo para a modernização, a democratização do acesso, a efetividade e a racionalização do Sistema Judicial Brasileiro.

Para atendimento de seus objetivos, o Instituto realiza anualmente o Prêmio Innovare, promove palestras e eventos gratuitos, publica livros e artigos, produz documentários e realiza pesquisas sobre temas da Justiça.

 
 
 

MAIS NOTÍCIAS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Nome:

E-mail:

* Seu e-mail não será publicado

Mensagem:
Publicidade
Publicidade
Publicidade

CURTA-NOS