▸ Acompanhe nas redes

NOTÍCIAS / politica
Enviar por e-mail Compartilhar Imprimir

19.02.2020 - 19:30  |  Reforma tributária

Reforma tributária deve prever compensação para estados, ressalta Plínio Valério

Foto - Jefferson Rudy - Agência Senado

Plínio Valério, PSDB/AM

Plínio destaca complexidade da reforma tributária e diz que ninguém vai dar tiro pé

Agência Senado - 19/02/2020, 17h23

senador Plínio Valério (PSDB-AM) afirmou em Plenário, nesta quarta-feira (19), que o país precisa de uma reforma tributária. Entretanto, disse, será improvável que o Congresso Nacional aprove uma medida tão complexa no prazo curto de apenas três meses. Segundo ele, ainda não é possível saber que textos serão apresentados pelo Senado e pela Câmara ou ainda se o Executivo também enviará uma proposta.

Segundo o senador, uma reforma desse porte não terá tramitação tão fácil e rápida no Parlamento. Plínio disse que estudos já apontam a perda de arrecadação com tributos para os estados. De acordo com ele, a reforma não pode prejudicar as receitas estaduais e deve conter medidas de compensação de possíveis prejuízos.

— Quando se apregoa por aí que vão votar a reforma tributária em três meses, eu digo aqui que não vão. Não vão votar em três meses. Como é que eu, do Amazonas, e o senador Antonio Anastasia (PSD-MG) vamos aprovar uma reforma dessas que prejudica os nossos estados? Nunca! E esse nunca implica conversação, negociação, obstáculo, porque nós somos senadores da República, mas representamos os nossos estados. Então, ninguém vai dar tiro no pé — declarou.
 
 
 
 

MAIS NOTÍCIAS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Nome:

E-mail:

* Seu e-mail não será publicado

Mensagem:
Publicidade
Publicidade
Publicidade

CURTA-NOS